Costa do Sol,

quinta-feira, agosto 18, 2022
spot_img

Leia a nossa última edição #08

spot_img

Búzios: apesar do aumento de casos, cidade segue sem internações por Covid-19

Mais lidas

- Advertisement -

De acordo com o último boletim oficial da Fiocruz, a Covid-19 está crescendo em todo o país. No estado do Rio de Janeiro 60% dos leitos destinados para Covid-19 estão ocupados. Em Búzios, de acordo com a Secretaria de Saúde do município, até o momento o Hospital de Campanha Dr. Rodolpho Perissé não tem nenhum paciente internado com Covid-19 há mais de 40 dias.

O município de Armação de Búzios, mais uma vez está à frente das ações realizadas pelo governo municipal para conter a disseminação do vírus na cidade. Até a última sexta (10), 34.888 pessoas entre adultos e adolescentes foram imunizadas contra Covid-19 com as duas doses da vacina. Mais de 61% da população tomou a dose adicional da Janssen (DA).

A dose reforço (D3) alcançou 45% da população, e a quarta dose (D4), 5%. A Secretaria de Saúde informa que as vacinas estão disponíveis em todas as redes, e apela para que a população procure as Unidades Básicas de Saúde para serem vacinadas, evitando assim, que a doença evolua para casos graves.

Apesar de os números de casos positivos ter dado um salto nos últimos três meses no município, de 14 casos positivos em março para 118, no início de junho, todos os pacientes apresentam sintomas leves, sendo monitorados em casa.

Segundo o secretário de Saúde, Leônidas Heringer, o Hospital de Campanha, embora tenha sido adaptado, continua funcionando para qualquer emergência. “Vale ressaltar que o município continua com menor taxa de letalidade para Covid-19 na baixada litorânea do estado do Rio de Janeiro, com uma taxa de 1,0% desde o início da pandemia, e ocupa o 5° lugar de menor taxa de letalidade para Covid-19 no estado do Rio de Janeiro”, comentou.

“Ressaltamos a necessidade das pessoas procurarem os postos de saúde para se vacinarem com a dose reforço (D3) e a quarta dose (D4). As vacinas estão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município”, concluiu o secretário.

- Advertisement -

Últimas noticias

- Advertisement -