Costa do Sol,

segunda-feira, agosto 15, 2022
spot_img

Leia a nossa última edição #08

spot_img

Cabo Frio: R$ 140 milhões em investimentos para instalação de 135 km de redes de esgoto

Mais lidas

- Advertisement -

Durante apresentação ao Consórcio Intermunicipal Lagos São João (CILSJ), a Prolagos, concessionária responsável pelo fornecimento de água e tratamento de esgoto em Cabo Frio, anunciou que deverá investir cerca de R$ 140 milhões na implantação de redes separativas de esgoto em Cabo Frio, nos próximos cinco anos. Os recursos serão suficientes para a instalação de 135 quilômetros de redes coletoras.

Ao todo, serão 11 estações elevatórias e 7,72 km de linha de recalque, que serão responsáveis por bombear o efluente até a estação de tratamento. Serão contemplados os bairros Jardim Caiçara, Jardim Olinda, Palmeiras, Praia do Siqueira, Portinho, Parque Burle, São Cristóvão, Cajueiro, Ogiva, Peró, Centro, Braga e Vila do Sol.

“Além dos projetos específicos para cada município, o plano de investimentos prevê ainda a ampliação da estação de tratamento de água, que passará dos atuais 1500 litros por segundo, para 1800 l/s, que permitirá que a Prolagos continue na busca pela universalização do abastecimento em toda a área de concessão”, comentou o o diretor-presidente da concessionária, Pedro Freitas.

De acordo com a concessionária, foram consideradas as áreas que tenham estações de tratamento e elevatórias (unidades de pressurização de esgoto) já instaladas, além de maior concentração de habitantes, para atender a 50% da população até 2026. Essa é uma medida, segundo a empresa, adotada para otimização dos recursos.

Além do aumento da cobertura no sistema de esgoto, a concessionária também prevê a ampliação da oferta de água. Mais de 54 mil metros de rede serão instalados, chegando aos bairros Balneário São Francisco, Botafogo, Manoel Correa, Monte Alegre, Caravelas do Peró, Monte Alegre, Campos Novos I e São Jacinto.

Além de Cabo Frio, a Prolagos é responsável pelos serviços de água e esgoto nos municípios de Armação dos Búzios Arraial do Cabo, Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia, atendendo cerca de 420 mil pessoas na baixa temporada e mais de 1,2 milhão nos meses de verão. Vale lembrar que o planejamento apresentado deve ser enviado à agência reguladora para aprovação final.

- Advertisement -

Últimas noticias

- Advertisement -