Costa do Sol,

sábado, setembro 18, 2021
spot_img

Leia a nossa última edição #02

Opinião: “Se eu parar de treinar, perco tudo que fiz?”

Mais lidas

- Advertisement -

É comum que pessoas que estão iniciando exercícios físicos tenham dúvidas sobre quais atividades são melhores para perda de peso, quantos dias por semana precisam frequentar a academia para obter resultados, qual a duração da sessão de treinamento por dia deve realizar. Esses são exemplos corriqueiros para quem quer iniciar uma atividade e ainda não se decidiu.

Mas existem também muitas lendas urbanas em torno do hábito de praticar esportes e exercícios físicos. Um deles é de que se a pessoa deixa de realizá-los, “perde” tudo que fez.

Bom, isso mostra um pouco como pensamos e agimos, não?

Qualquer atividade em nos dedicamos diariamente tendem a dar frutos. Leitura, aprendizagem de um idioma, culinária… Agora pense em deixar de fazer isso diariamente. Claro que dependendo do tempo que você deixa de praticar a atividade – qualquer atividade – haverá um pouco de esquecimento e cansaço. Assim é o hábito do exercício físico.

Dependendo do nível de exigência e meta que você tem para si, o fato descansar alguns dias, faltar a alguns treinos ou até mesmo tirar férias não vai acabar com os resultados conseguidos com muito suor e disciplina. Aliás, descansar faz parte do treinamento.

Por isso, na próxima vez em que um colega seu tiver alguma dúvida como essa – a de que não dá para treinar muito, porque quando para a pessoa perde tudo –, peça a ele para consultar um profissional de educação física. São eles que estão capacitados a prescrever treinamentos e habilitados para a acompanhar a execução dos movimentos físicos enquanto você vai nadar, escolhe correr na esteira ou vai fazer um funcional na praia.

Carlos Henrique de Vasconcellos Ribeiro é docente do Mestrado Profissional em Gestão do Trabalho e Coordenador do Curso de Educação Física da Universidade Santa Úrsula.

* As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não refletem, obrigatoriamente, a opinião do site e jornal. As colunas e artigos de opinião são de colaboração espontânea, sem vínculo empregatício.

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas noticias

- Advertisement -