Costa do Sol,

quinta-feira, agosto 18, 2022
spot_img

Leia a nossa última edição #08

spot_img

Macaé: grupo faz manifestação na porta da Prefeitura contra medidas restritivas

Mais lidas

- Advertisement -

Um grupo de pessoas, que se apresentam como empresários de Macaé realizaram, nesta segunda (05/04), um ato contra as medidas restritivas impostas pela Prefeitura. Os manifestantes mostraram insatisfação com a prorrogação do decreto que limita as atividades comerciais para que haja controle do Coronavírus na cidade.

O grupo chegou a fechar o trânsito na Avenida Presidente Sodré, na altura da Prefeitura de Macaé. Eles pediam a liberação para que os comércios da cidade pudessem reabrir. A Polícia Militar e a Guarda Municipal acompanharam o ato.

Em edição do Diário Oficial do último sábado (03), o prefeito Welberth Resende decretou que as medidas restritivas que estavam em vigência na última semana foram prorrogadas até o dia 9 de abril.

LEIA MAIS: Macaé prorroga medidas restritivas até o dia 9

“Sou muito solidário ao comércio, setor que tem nos ajudado bastante a segurar esse momento difícil da cidade. Vivemos hoje medidas que nenhum prefeito gostaria de adotar. Eu quero ver Macaé prosperar, mas estamos em um momento que precisamos preservar a vida. Só vamos conseguir resolver a questão econômica com o equilíbrio da Saúde”, disse o prefeito.

Welberth também reforçou a importância das ações coletivas que auxiliam no enfrentamento à pandemia. “Saímos de um ‘superferiado’ instituído pelo governo do Estado, e cumprimos a manifestação do Ministério Público que recomendou medidas de restrições e isolamento. Decidimos prorrogar essas intervenções para assegurar o alcance, de forma mais rápida, de indicadores que nos permitam retornar a um cenário seguro para definir flexibilizações”, explicou.

Conforme apurado pelo ErreJota Costa do Sol, a Associação Comercial e Industrial de Macaé (ACIM) não apoiou e não participou do ato. De acordo com a Assessoria de Comunicação, a instituição “mantém agenda institucional com o governo municipal, e encaminha e avalia junto a secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico, propostas e iniciativas que garantam o auxílio necessário aos empresários do setor varejista da cidade, principalmente nesta nova fase de restrições definidas pelo município para enfrentamento a pandemia da COVID-19”.

- Advertisement -

Últimas noticias

- Advertisement -